337030_789326_rafael_gagliano_18516

Stock Light: TMG Light Team salva pontos em prova tumultuada em Londrina

Domingo de sol e muito calor, bandeira vermelha e muitos acidentes acabaram atrapalhando as pretensões de Erik Mayrink e Gustavo Bandeira.

A terceira etapa da Stock Light, categoria de formação de pilotos para a Stock Car, teve a segunda corrida tumultuada neste domingo, em Londrina (PR), onde uma série de incidentes, bandeira vermelha e intervenções do safety car marcaram a prova.

Com todos os percalços a TMG Light Team acabou pontuando nas duas corridas com Erik Mayrink (15º e 11º) e Gustavo Bandeira (13º e 8º), onde na segunda corrida o piloto do carro #66 foi penalizado em 20 segundos por excesso de velocidade nos boxes na entrada para a parada obrigatória do pitstop.

Para o chefe da equipe, Robson Fernandes, os dois pilotos tem evoluído a cada etapa. “Os dois são estreantes na categoria e estão buscando a cada corrida experiência. Isso vem acontecendo e tem sido bastante positivo o entrosamento a cada etapa”, destacou.

O jovem Erik Mayrink lamentou os incidentes, que interferiram bastante no resultado da prova. “O resultado foi longe do esperado. Depois de um 19º lugar na tomada, conseguimos um 11º na geral e terceiro na rookie. Estávamos competitivos e só tenho que agradecer o empenho da equipe e o apoio do meu patrocinador PGG Chemical”, avaliou.

Para Gustavo Bandeira, o bom trabalho da equipe não se reverteu em resultado na pista. “Fomos rápidos nos treinos, mas não conseguimos uma volta boa na classificação. Na corrida 1, largamos em 16º, tínhamos ritmo para fazermos uma corrida de recuperação e fomos muito conservadores e não conseguimos buscar um bom resultado. Na segunda prova, após terminarmos em terceiro na categoria rookie, que premia os estreantes do campeonato, fui penalizado e caí para 18º. Uma pena, mas bola pra frente. Teremos dois meses de intervalo para com muito foco e trabalho buscarmos nossos objetivos”, explicou.

A Stock Light volta a pista daqui 90 dias para a quarta etapa da categoria.

334589_778794_bt1x6515

Stock Light chega a Curitiba e conta com retrospecto de peso do time

Dupla da TMG Light Team confia em uma grande etapa na capital paranaense.

O ditado que diz a “união faz a força” vale muito para a TMG Light Team, o time que fez sua estreia em Interlagos, na competição que visa ser base e porta de entrada para a Stock Car, tem por trás dois times experientes em competições – a TMG Racing, uma das maiores equipes da Stock Car, e a RZ Motorsport, que além da disputar por 10 temporadas a maior categoria do país, também foi uma das grandes forças do Brasileiro de Marcas nos últimos ano. Ambas, tem um histórico de ótimos resultados na capital paranaense, que nesse final de semana será palco da 2ª etapa da Stock Light.

A equipe dirigida por Thiago Meneghel na Stock Car, venceu duas vezes no circuito largando da pole, em 2012 e 2013, com o piloto Atila Abreu. Já a RZ, comandada por Robson Fernandes, tem uma pole na Stock Car, em 2009, com Ricardo Zonta, e soma no Brasileiro de Marcas quatro vitórias (duas de Zonta em 2012, uma com Allam Khodair em 2014 e uma com Thiago Marques em 2015), e duas poles de Zonta e Khodair. Um retrospecto, que tem como foco passar toda essa experiência aos novos talentos, que disputam a Stock Light, Erik Mayrink e Gustavo Bandeira, onde passado o peso da estreia em Interlagos, ambos confiam em uma ótima etapa.

Para Erik o circuito de Curitiba tem um sabor especial, já que foi o vencedor da última etapa da Sprint Race 2017 no circuito paranaense. “Minhas expectativas são muito boas. Eu gosto muito da pista de Curitiba, até porque já ganhei corrida lá na Sprint Race e eu acho que evoluímos muito na primeira etapa do ano. Quero nesse final de semana brigar por um pódio”, destacou o mineiro de Juiz de Fora, que conta com o patrocínio da PGG Chemical Corporation.

O brasiliense Gustavo Bandeira diz que o peso da estreia ficou para trás e agora busca o primeiro pódio de 2018. “Eu espero que essa segunda etapa seja ainda melhor que a primeira. Acho que vai ser uma ótima etapa para a gente. A adaptação com o carro foi muito boa e a minha reestreia das pistas foi bem legal e conseguimos fazer um trabalho sólido, com tempo para trabalhar com calma e achar uns detalhes que possamos melhorar. Espero que o trabalho árduo de toda a equipe seja recompensado em resultado na pista. Quem sabe a gente belisca um pódio nessa etapa”, analisou o piloto de 20 anos.

Os treinos da Stock Light em Curitiba começam nesta sexta-feira. A classificação será no sábado às 10h da manhã. No mesmo dia, acontece a primeira corrida, que terá transmissão ao vivo do Sportv às 13h. A segunda prova será no domingo às 13h25, também com exibição ao vivo do canal a cabo.

Confira a Programação:

Sexta-feira, 6 de abril

08h10 – 08h20: Shakedown Stock Light

09h35 – 10h05: 1º Treino Stock Light

12h40 – 13h10: 2º Treino Stock Light

15h45 – 16h15: 3º Treino Stock Light

Sábado, 7 de abril

09h30 – 09h40: Warmup Stock Light

10h00 – 10h10: Classificação Stock Light

13h00: Corrida 1 Stock Light

Domingo, 8 de abril

09h15 – 10h15: Visitação aos Boxes

13h25: Corrida 2 Stock Light

332971_772296_rafael_gagliano_20768

Stock Light: TMG Light Team conquista mais um bom resultado em Interlagos

Os estreantes Erik Mayrink e Gustavo Bandeira finalizaram a segunda corrida na sexta e nona posição, respectivamente

A TMG Light Team sai de Interlagos depois da 1ª etapa da Stock Car Light com bons resultados, que colocaram seus dois pilotos estreantes na categoria em boas posições: Erik Mayrink, em sexto, e Gustavo Bandeira na nona colocação nesta segunda bateria.

Na prova desse sábado (10), os dois pilotos fizeram a lição de casa, não se envolvendo em incidentes e buscando posições lutando pelo melhor resultado. “Foram duas boas provas, pois iniciamos o trabalho para esta temporada, nossos dois pilotos nunca tinham andado em uma categoria tão competitiva e finalizamos as duas provas com boas colocações. Evoluímos e esse é só o começo”, analisou o chefe de equipe Robson Fernandes.

Os resultados foram positivos também na primeira bateria, que aconteceu na sexta feira, onde Mayrink conquistou dez posições e fez uma corrida conservadora terminando em sétimo, ja o brasiliense Gustavo Bandeira teve um toque quando ocupava e nona posição e recuperou depois de cair no final do pelotão, terminando em decimo quinto.

“Minha estreia foi bem melhor do que eu esperava, na segunda bateria conseguimos um bom acerto do carro o que ajudou bastante, eu larguei em quarto e nas primeiras voltas da corrida tive boas disputas de posições com os primeiros colocados e terminei em sexto no geral e terceiro entre os rookies. Tenho certeza que para a próxima etapa estaremos bem mais competitivos”, analisou Erik Mayrink.

“Nossa segunda corrida acabou sendo prejudicada depois do toque da primeira bateria, então largamos de tras, e mesmo assim tomamos mais um toque que prejudicou nosso rendimento, então fomos escalar o pelotão, recuperamos e chegamos em nono na corrida e em quarto na categoria de rookie, que são os novatos. Fiquei feliz com o desempenho da equipe, ficamos sempre na zona de pontuação, então na próxima etapa tenho certeza que chegaremos bem mais fortes”, explicou Gustavo Bandeira.

Os motores da categoria de acesso da Stock Car voltam a roncar em Curitiba, no dia 08 de abril.